Tratamento de escaras – também para unhas roídas

Tags

, ,

Esse blog é sobre roer as unhas, né? Mas vou começar esse post falando de uma coisa que parece que não tem nada a ver, mas depois vocês entenderão.
Há um tempo a traz minha mãe passou por uma cirurgia e o médico passou um remédio que se chama Dersani para ajudar na cicatrização do corte.
Se você ler as indicações do “remédio” vão achar que eu pirei. Mas calma. tem seu sentido. Dersani é indicado na prevenção e tratamento de escaras, feridas crônicas agudas na ausência de processos infecciosos e também no tratamento de eczemas.
dersani para parar de roer a unhaMas porque raios isso tem haver com ler as unhas roídas? Eu já disse aqui que tenho um processo alérgico que resseca muito meus dedos e unhas, né? Também disse que não é raro os dedos ficarem feridos e não cicatrizar direito. Bem na época em que minha mãe estava operada, eu estava justamente com essas alergias. Psicossomatizações a parte, pensei cá comigo: “vou passar esse negócio na minha mão pra ver se também ajuda cicatrização. Se faz bem para um corte de cirurgia, há de fazer bem para minha mão. E não é que deu certo? Hoje, mesmo quando não estou com as alergias, eu uso o tal do Dersani para hidratar a minha mão, minha unha e minha cutícula. É ótimo! (aliás, vale para o pé também!)
Na verdade, ele é um óleo super hidratante. à base de A.G.E. (Ácidos Graxos Essenciais) com vitaminas A e E, que revitaliza e mantém o equilíbrio hídrico da pele, melhorando a elasticidade. Sua composição: Ácido Cáprico, Ácido Caprílico, Ácido Capróico, Ácido Láurico, Ácido Linoléico, Lecitina, Palmitato de Retinol, Acetato de Tocoferol e Alfa-Tocoferol.
Ainda descobri no Mamães Vaidosas que ele é bactericida, excelente para acne, para hidratar a pele, para regenerar e tratar fissuras ocasionadas por cortes, queimaduras e também pela amamentação.
Sabe o óleo que você passa depois do banho? Pois então, ele é isso, mas  muito muito melhorado: unhas, cutículas hidratadas ajudam também as pelezinhas não levantarem e a gente controlar a vontade infinita de pôr a mão na boca e seguir na luta de parar de roer a unha!
luva parar de roer a unhaMas olha tenho uma dica: luva cirúrgica. Sim parece absurdo, mas é muito bom. Sabe aquelas luvas (sem talco) você passa um óleo na mão toda, especialmente nas pontinhas dos dedos. massageia um pouco pelas unhas, deixa entrar bem nos cantinhos: deixa bastante melecada. lasca-lhe a luva (gosto muito da marca Sanro, porque são descartáveis, mas são muito resistentes, como só usa para ir dormir e deixar a mão embebida no óleo, dá para reutilizar e não rasgam!) e vai dormir. No dia seguinte você vai ver seus dedinhos agradecidos.
Anúncios

Imagem

Tem coisa mais irritante para quem rói unha?

Tags

,

Se você rói atualmente suas unhas, diz: tem coisa mais irritante para roedores de unha que o que está na imagem abaixo?

roer unha: tire a mão da boca

Até parece que eu já não sei que eu não devia estar com a mão na boca!!!

Dica: eu sei que roer unha é feio. eu sei que não devia pôr a mão na boca. Eu sei que minhas unhas roídas são horríveis.

Campanha Quer ajudar um roedor de unha? Não fale para ele que tem que tirar a mão da boca BEM NA HORA que ele está com a mão na boca.

Outros Posts no mundo dos Blogs sobre roer unhas

Tags

, ,

De xereta, fui ver o que andam falando por aí sobre roer as unhas, ou como parar de roer unhas.

Alguns posts de colegas ex roedoras/roedores de unha também: 

Aos roedores de plantão – do Blog Tudo Em cima 

A dica de hoje é para quem tem o sonho de ter lindas garras e tem o péssimo hábito de roer unhas (meu passado me condena).

Do Garotas IncomunsParei De Roer Unhas

O que realmente deve ser considerado um milagre é o fato de eu ter parado de roer unhas. Sim, eu parei! Depois de anos e anos e anos colocando a mão na boca várias vezes por dia, às vezes fazendo chegar a sangrar, eu parei!!!

Às Mastigadoras de dedos, diretamente do Esmaltólotras Viciadas 

ela roía unhas, mas as unhas dela são LEEENDAS. Perguntei como parou, óbvio, é a atitude mais racional er. Resposta: APENDICITE.

Onicofagia, já falamos aqui que é o nome “científico” para roer unhas. Dia de Paty apresenta um post bacana também.

Meus dedos ainda são meio cabeçudinhos.
Parei de roer as unhas quando passei esmaltes coloridos..

Dr. Elias Reis, dá alguns motivos mais “técnicos” para parar de roer unha! Roer unha e morder o lábio inferior acentuam marcas no rosto.

Hábitos do dia a dia que parecem inofensivos podem causar em longo prazo marcas desagradáveis no rosto, como o famoso “bigode chinês”.

Gostei muito do post do ParticularitésRoer unhas… que tal parar?

Além do TRH, a terapia de Controle de Estímulo é usada tanto para identificar quanto para eliminar os estímulos que freqüentemente geram a vontade de roer unhas.

No Ei amiga foi dito uma coisa que eu acredito bastante sobre a saga de parar de roer unha, na Dica do dia: Como parar de roer unhas

Que fique bem claro que não existe nenhuma solução mágica ou produto revolucionário para isso.

Roer unhas: livre-se desse vício é o post do Vida em Paz. Tem uma foto que mostra uma unha roída, como a minha já foi!

são hábitos simples e rotineiros que podem lhe ajudar a ficar livre dessa mania que deve ser levada a sério e corrigida.

Fica aí, registrada uma breve compilação do que se fala por aí, no mundo dos blogs sobre Roer unhas e sobre como parar de roê-las! 🙂

Alergia e as unhas roídas

Tags

,

Eu tinha muita rinite; mas de uns tempos (uns 3 anos) pra cá a minha rinite transformou numa alergia na pele (juro!). Qualquer tipo de sujeira, poeira, mudanças temperatura drásticas (sim! é exatamente a mesma coisa que eu tinha com ataques de espirro!) meus dedos ficam todos ressecados ao ponto de abrir feridas, sangrar, nada cicatriza, sim é um horror!

Fui levando essa alergia com cremes tracionais, até que chegou um ponto que precisei ir ao dermatologista. Fui a vários: “isso é fungo!”; “isso é algum vírus. faça exames” “Isso é alergia, não tem jeito!”. Tomei de Cetoconazol a vacina anti alérgica – sim, isso existe e, sinceramente, achei a maior balela do universo.

parei de roer unha

Bem, mas finalmente o médico que  descobriu o que eu tinha me disse que nada mais era do que uma alergia mesmo: nenhuma micose, fungo ou qualquer outra coisa que todos os outros dermatologistas disseram. Me receitou um creme manipulado poderoso. E não é que funcionou? Aliás, quem está em São Paulo e precisa de boa indicação de dermatologista. Pode me escrever que eu o indico: preço da consulta mais que justo, é atencioso, não fica empurrando mil outros tratamentos, dá amostra de remédios e cremes antes da gente sair comprando… ele é um médico mesmo. Pergunta da vida, da família, quer saber como estão as outras coisas além da pele e do roer unhas, relaciona os outros fatos ao que acontece na minha pele… ele é incrível!

Lá voltei à saga de tentar parar de roer a unha, já que o creme mágico estava “segurando” minha alergia. Nessa empreitadas pra parar de unha novamente coloquei minhas unhas postiças. Na aparência, por fora e na cutícula aparente, tudo andava bem. Até que um dos tips descolou. Quando vi, em baixo dele, o que ainda restava do meu dedo, era ferida que só. Até resolver essa crise da alergia, foi mais de 6 meses. Fiquei de novo sem usar unhas postiças, apenas tratando da alergia até que os dedos ficassem bons.

Numa das mil visitas ao dermatologista, perguntei “…mas doutor, vou ter que ficar passando creme e pomadas para resto da minha vida?”. Ele me respondeu com a cara mais carinhosa do universo: “Andressa, é que você machuca demais a sua unha. Ela serve para proteger o dedo. Você coloca o tempo todo na boca e a boca é o lugar mais sujo do corpo: onde tem mais bactérias.”

Pronto. Me tocou de um jeito que, em 25 anos roendo unha, nenhuma outra pessoa havia me tocado. Me pareceu sensato suficiente dizer que eu mesma estava me machucando eu mesma estava fazendo com que as minhas unhas não ficassem boas e que minha alergia não sarasse.

roer unhas e lixar

Isso aconteceu há uns três meses. Desde então esta foi a minha última, e espero última mesmo, empreitada tentar parar de roer a unha.Três meses sem roer a unha. Sem roer nada. Nadinha, nem cantinhos, nada. A lixa é minha amiga infinita desde então!

Frustração de infância: unhas cotoco

Tags

, ,

Minha primeira lembrança sobre querer usar esmaltes coloridos da moda é de quando eu tinha uns 11 anos de idade. Lembro-me até hoje a sensação do ridículo e a frustração que senti por ter as unhas roídas.

Na escola era mania que todo mundo com seus potinhos novos e coloridos de esmalte pintasse a unha das amigas. Era como uma troca de cores. Eu naturalmente não podia ficar fora disso, parecia muito divertido!  Mesmo com os cotocos das minhas unhas, comprei esmaltes coloridos e novos. Nunca me esqueço: um azul, um vermelho e um amarelo. Fui pintar as unhas de uma amiga que já, naquela idade, tinha uma unha enorme!  Ela pediu uma de cada cor.

Na minha vez, pedi para ela pintar as minhas unhas com um verde e um rosa que ela tinha. Quando terminou de pintar, que coisa horrível, que horrível que ficou minha unha! Que coisa feia! Morri de vergonha. Ainda mais comparando a unha linda e não roída que ela tinha.

unhas roídas pintadas

Essa é minha primeira lembrança frustrada de como era feio, muito feio ter a unha roída. Naquela época, nem isso foi suficiente para eu parar de roer a unha. Me contentei em me abster do mundo da moda das unhas coloridas.

27,4% dos belgas roem as unhas: inclusive os homens!

Tags

,

homem que roi unha

Sem novidades, que roer a unha é sinal de nervosismo, hábito, ou tic. Mas que na Bélgica foi feita uma pesquisa e eles conseguiram medir o tamanho da população que rói as unhas, sim! Isso é novidade.

Os belgas são propensos a roer as unhas! Em média, eles são 27% de toda a população belga. E o mais incrível desse número é que esse número é ainda maior entre os homens. Eu digo: há mais homens com o hábito de roer as unhas que mulheres! A diferença está no fato de que as mulheres falam mais sobre o assunto. Querem poder entrar no mundo dos esmaltes e unhas coloridas. Lá na Bélgica, entre os homens, 13,1% roem as unhas.

O hábito de roer as unhas, na Bélgica está principalmente entre as pessoas de menos de 29 anos (19,4%). Conseguiram medir até a frequência que as pessoas roem as unhas: alguns ou algumas estão mais razoáveis. 6,7% dizer roer as unhas uma vez por dia. E lá novamente, os homens são a maioria. 10% dos belgas admitem que roer as unhas uma vez por semana. O grupo etário de 30-49 anos, é o que está mais preocupado.
Uma placa de pare? Esmalte, hipnose… ou o desejo. Faça como os 72,6% dos belgas que não roem as unhas! Imagina, que terror! Esse homem lindo aí da foto com os dedos todos horrorosos? =)p

Técnica 1 para parar de roer unha – um relato!

Tags

, ,

A primeira vez que usei de uma estratégia “mais radical” para parar de roer unha foi em 2005. Lá se vão mais de 8 anos!

Depois de muito tentar usar os esmaltes milagrosos com gosto ruim que prometem fazer qualquer um parar de roer unha; escondida, fui a uma dessas boutiques de unha, num Shopping em São Paulo. Na época essas boutiques não eram tão comuns. A salvação da minha vida seria com as Unhas postiças: a tal porcelana. 

Uns 6 anos antes disso (tínhamos uns 12 anos), a mãe de uma amiga havia levado ela lá. Eu, na época, pedi pedi pedi para a minha, e ela disse que não! De jeito nenhum. Isso não era coisa de criança e mais: isso fazia a unha, em baixo, apodrecer.

Bem, já grandinha, aos 20, fui por conta própria. Célia, o nome da manicure – lembro dela até hoje porque, por ironia do destino, hoje, ela é manicure da minha mãe, que usa porcelana! Rsss

Eis que coloquei as unhas postiças em cima das minhas unhas roídas. Célia me explicou que apenas a porcelana na minha unha era impossível! Era necessário colar, em cima do pouco de unha que eu tinha, o tip; e por cima dele passar a porcelana.

Essa efetivamente foi a técnica que me levou a começar seriamente a parar de roer unha. É um caminho, sim! A unha postiça fica em cima da unha verdadeira e assim, a gente não consegue roê-la. A unha real vai crescendo, enquanto a postiça a está cobrindo.

Quem já usou essa técnica? Deixem comentários!